Cápsula Substitui Injeção de Insulina


Por Isabella Carvalho

Solução, que já está sendo testada, foi considerada uma das mais inovadoras para o tratamento de diabetes e outras doenças.

Pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e cientistas da empresa farmacêutica Novo Nordisk desenvolveram uma cápsula capaz de eliminar as injeções de insulina em pacientes com diabetes. Ao ser ingerida via oral, a solução injeta a substância ao chegar no estômago, substituindo a aplicação do medicamento na região do abdômen.

A criação já está sendo testada em alguns animais e tem gerado resultados positivos. "Estamos realmente esperançosos de que este novo tipo de cápsula possa algum dia ajudar pacientes diabéticos e talvez qualquer um que necessite de medicamentos que agora só podem ser administrados por injeção ou infusão", diz Robert Langer, membro do MIT e um dos autores do estudo.

Como ela é feita?

Dentro da cápsula, há uma pequena agulha feita de material biodegradável com insulina na ponta. Essa agulha é presa por uma mola comprimida protegida por um disco de açúcar. Quando a cápsula é ingerida e chega à parede do estômago, esse disco é dissolvido pela água e a mola é liberada, impulsionando a agulha para injetar o medicamento. Como o local não tem receptores de dor, o paciente não sente a injeção.